Olá, mundo!

Publicado: 1 de outubro de 2010 em Não categorizado

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!

Anúncios

Encurralado eu olho para todas as direções, mas só vejo você se aproximando como quem não quer nada me devora com o olhar. Encosto-me na junção da parede do quarto comprimo-me o máximo o possível. O suor escorre por todo o meu corpo.

A adrenalina faz pulsar mais rápido o coração. – Seus olhos são tão atraentes… Tento desviar o olhar, mas seu olhar me prender. Com desenvoltura seu corpo move-se de um lado para o outro. Hipnotizado com tamanha beleza sigo o remelexo do seu quadril com o olhar. Num bote certeiro de bandeja você leva o meu coração; Olhos nos olhos, uma dança de rosto colado.

Sem luta eu me entrego;
Sem luta eu me rendo;
Sem medo de amar eu me entrego.

Teu corpo serpenteia pela cama e aos poucos me envolve num abraço. De sua boca palavras apimentadas enlouquece a minha mente. O sangue aquece e a cabeça bamboleia, gira e delira no compasso do nosso amor. Sinto a tua mão tateando todo o meu corpo. Desesperadamente eu vejo a sua boca percorrendo o meu corpo à procura de meus beijos. De olhos fechado eu te beijo e sinto em cada beijo um gostinho de saudade. Em transe eu tiro sua roupa e contemplo o seu corpo seminu roçando meu peito. Sua voz gira nos meus pensamentos. Sinto uma vontade louca de ti amar e de seus braços nunca mais soltar.

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx

Um telefonema uma saudades a menos.

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em Não categorizado

 

Um telefonema uma saudade a menos.
Não é o suficiente pra perdoar a sua ausência;
Mas já é o suficiente pra querer ti perdoa.
Ouço atentamente a sua voz
Planejando um jeito de silenciá-la com um beijo.
Insaciavelmente ouço o teu cortejo
E me contorço de desejo.
Sussurro a cada galanteio
Sem fazer rodeios
Cochicho a minha fantasia e os meus sonhos
Em seu ouvido.
Ousadamente exponho o meu interesse
Em te agarrar e de seus braços nunca mais soltar.
Em delírios eu faço plano e encho a sua cabeça deles.
Sei que você já anda farta de escutar
As minhas besteiras.
Mas essa foi à única maneira
Que eu encontrei para te segurar
No telefone por mais um minuto.

 

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx

Ta na flor da pele.

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em Não categorizado

 

Hei menina,
Teu lábio avermelhado
Conquistá-lo é o meu desejo.
Na tua fase eu vejo
Um olhar enigmático
Ao brilho da lua,
Guardam segredos,
Guardam mistérios.
Ai quem me dera descobrir
Um a um os teus medos,
Os teus anseios,
Da sua vida,
Do teu olhar.
Cabelos soltos contra o vento
Exalam o teu perfume:
Tem cheiro de rosa,
De primavera; de laranjeira.
De natureza felina.
Deusa Menina… Me alucina…

 

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx

Feliz dia das Mães.

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em Não categorizado

O barato foi louco no domingão, no dias das mães. Meu papi chegou com um buque de flores e deu para minha mama até ai tudo certo pelo o certo, mas ele se esqueceu que a minha mama é a esposa dele que garfe, né? Vendo aquela situação fiquei atacado e em pensamento escrachei:

– Hei cara a esposa é sua, mas a mãe é minha não queira mudar o seu papel depois de tantos anos. (Observação: Pai da presente nos dias das mães que coisa brega e sem lógica). Passou batido mais uma vez, mais um ano, pois no fim das contas um presentinho é sempre bem vindo.

Resolvi sai pro arrebento e ser linha de frente.

Como sempre a história não muda desde épocas remotas o homem luta com outro homem pelo o amor de uma mulher e comigo não poderia ser diferente. Essa é a lei da natureza… Natureza selvagem do homem. Pra não ficar em desvantagem no coração da mama, parti para cima, a fim de reverter à situação para o meu lado. Pois, Esse ano eu não dei presente a ela, mas pensando bem eu já sou um presente uma grande dádiva de Deus. Então eu mostrei todo o meu lado poético e sentimental seguido de um abraço. Olhei bem para os olhos dela e disse:

– Valeu mama pelo seu grude gostoso; pela roupa lavada e passada com tanto zelo; Obrigaduuu pelo o amor, pela a atenção, por tudo que você passou por mim.

Na moral mama o que seria de nós sem você, tomar conta de quatro filhos; um neto; dois cachorros; um gato; uma casa e um marido apaixonado não é tarefa fácil pra abrigar todos esses indivíduos num só lugarzinho, acha coração!

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx

A comunicação.

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em Não categorizado

A comunicação pode ser transmitida de várias formas e de várias maneiras, por exemplo, pela escrita, pela fala, pelas as expressões faciais, pelo o som, através de desenhos, pelo corpo, etc. A comunicação mais utilizada no cotidiano é a fala, ou melhor, a linguagem, pois é uma comunicação rápida entre dois ou mais indivíduos.

As palavras mexem com o nosso ego, nos levam ao céu ou ao inferno. Depende da forma que se fará o uso. Faz a gente percebe como somos vulneráveis, frágeis a um elogio ou a uma critica.

No ciclo da vida mais exatamente no primórdio da infância não sabemos usar a linguagem falada, mas, no entanto usamos outras formas de comunicar, por exemplo, o nenê quando sorrir que dizer que ele estar contente; quando o nenê esta chorando é sinal que chegou a hora de mama ou está incomodado com algo (dor, ausência de um ente querido, frauda suja ou mal colocada, etc).

Muitas vezes não queremos falar nada, um sorriso basta, mas há pessoas que não se contentam em apenas em falar com a boca e fala também com as mãos, pelo nariz, pelos cotovelos e assim por diante. Mas ainda á aqueles que gostam de um abraço bem apertado com direito a palavras ao pé do ouvido que vão suar direto no coração, que enche a alma e os olhos de sentimentos, que escorre pela fase em forma de lágrimas. E você, já se comunicou com quem você gosta hoje?

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx

Menina Sereia.

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em Não categorizado

Por mais que eu tente não consigo disfarçar o meu interesse por você, menina sereia. Os seus pés tocam a areia com a mesma intensidade que pulsa o meu coração. Rápido e desconcertante. Você passou por mim e eu fiquei a ti olhar; A ti observar na esperança do teu olhar se cruzar com o meu.

Da cadeira eu me levantei a fim de ti ver; A fim de obter mais uma imagem sua gravada na minha cabeça. Vaidosa e toda prosa passeia pela orla e pelo os meus pensamentos.

Menina sereia você me enfeitiçou, tirou o meu sossego me tornei seu prisioneiro. Não me deixe aqui aprisionado eu quero experimentar o sabor da liberdade, da juventude, dos beijos. Sem pressa eu quero me aventurar no calor de seus braços pela a noite afora eu quero ti amar na beira do mar. E dos teus encantos eu desejo desfrutar.

Produzido por: Leonardo Silvestre.

Contato: spsantos2@hotmail.com

Site: http://spsantos2.spaces.live.com/default.aspx